Contas #50

Decorre já a oferta da Pensão Paroquial ou Côngrua e estes dias já recebemos alguns donativos; em breve anunciaremos o que for chegando ao Fundo Económico Paroquial. Nunca é demais repetir que se trata de uma prática das paróquias que decorre no final de cada ano e que tem por objetivo salvaguardar a colaboração dos paroquianos com alguns encargos regulares da vida das comunidades paroquiais: culto e oração a Deus, evangelização, para promoção da caridade, e no sustento do pároco. Ou seja: não se trata de nenhum donativo em proveito direto do sacerdote que esteja em cada paróquia. Os dinheiros reunidos são depositados no Fundo Económico Paroquial e administrados pelo Conselho para os Assuntos Económicos da Paróquia. Desde já agradecemos o gesto de todas e todos os que também desta forma desejam o bem da comunidade.

Os peditórios feitos nas Missas celebradas na igreja paroquial nos dias 1, 2, 3,4, e 5 de novembro foram no valor de € 390,69. Do oratório da Sagrada Família nº 1, dos Pousos, recebemos no fundo económico paroquial o valor de € 25,00.

A Liga Pedras Vivas entregou ao Fundo Económico Paroquial € 2.394,24 em depósito feito na sexta-feira; estas receitas são relativas ao final de setembro e todo o mês de outubro.

Esta semana revimos o nosso protocolo com a SAMP. Durante este ano cederemos três salas para apoio à formação musical. A SAMP, por sua vez, auxiliar-nos-á nos trabalhos da limpeza e incrementará a sua participação musical nas nossa celebrações.

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter