O consolo da fé

Reli no meu diário e não resisti à tentação de oferecer aos amigos que queiram ler-me: Nesta semana, quando tantos andam à busca de pretextos para tornar difícil a escuta do chamamento divino, penso que os outros, os que rezam com a Igreja, poderão encontrar um incentivo, ainda que muito pobre, nesta minha experiência.
Pareceu-me mal-intencionado aquele pormenor do telejornal sobre a visita do Papa a “um bairro problemático” – foi assim que o classificaram – e fui à procura das suas palavras, porque a cena tinha muito de tocante para o meu coração de homem e de padre.
E o que encontrei, que transcrevo modificando dois ou três pormenores da ortografia, foi isto:

“Deus tem um coração de pai e perante um pai, não-crente, que foi capaz de batizar os seus filhos, de dar-lhes esta coragem, pensais que Deus seria capaz de o deixar longe?”,
“Se aquele homem era capaz de criar filhos assim, é verdade, ele era um bom homem. Ele era um bom homem. Aquele homem não tinha o dom da fé, ele não era crente, mas tinha batizado os seus filhos. Ele tinha um bom coração. E ele [Emanuele] tem a dúvida se o seu pai, por não ser crente, está no Céu. Quem diz quem vai para o Céu é Deus, mas como será o coração de Deus diante de um pai assim?”

Comovi-me até às lágrimas, não por ter encontrado novidade nas palavras do Papa, ao contrário do jornalista que mostrou as imagens.

Comovi-me, porque nos meus mais de cinquenta anos de sacerdócio – como, aliás terá acontecido a muitos outros – são incontáveis as vezes em que disse quase as mesmas palavras, a crianças e adultos: alguns esmagados com uma imagem de Deus que não é verdadeiramente aquela que nos foi transmitida pelos nossos antepassados na fé.
E dei graças a Deus por, na maior parte dos casos, não ter havido quem se desse conta, senão os interessados: porque tenho horror à sujidade que atinge tudo o que cai no mercado da notícia.

Obrigado Papa Francisco, por me teres ajudado a sentir mais em harmonia com a Igreja, neste crepúsculo da minha vida e do meu sacerdócio.

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
SHARE